ADQUIRA A SUA - VALOR R$ 22,00

ADQUIRA A SUA - VALOR R$ 22,00

ADQUIRA SUA CARTELA - R$ 10,00

ADQUIRA SUA CARTELA - R$ 10,00

PADRE JAMES E MINISTROS

PADRE JAMES E MINISTROS

PADRE JAMES E ACÓLITOS

PADRE JAMES E ACÓLITOS

PAPA FRANCISCO

PAPA FRANCISCO

LEITURA DIÁRIA DA PALAVRA - Clique na imagem

DIRETOR PROVINCIAL SALVATORIANO

DIRETOR PROVINCIAL SALVATORIANO
Pe. Álvaro Macagnan

domingo, 18 de junho de 2017

1ª CORRIDA DE SANT’ANA



REGULAMENTO


CAPÍTULO 1 – PROVA

ARTIGO 1 - A 1ª CORRIDA DE SANT’ANA será realizada no domingo dia 02 de julho de 2017 na cidade de Coelho Neto-MA.

ARTIGO 2 - A largada da prova será às 8:00h em frente a Igreja Matriz de Sant’Ana, e a chegada também em frente a Igreja Matriz de Sant’Ana. O percurso da corrida consta no Blog da Paróquia: paroquiadesantanacoelhoneto.blogspot.com.br

ARTIGO 3 - A 1ª CORRIDA DE SANT’ANA será disputada em duas modalidades e distâncias: corridas de 6km e 4km e caminhada de 3km.

ARTIGO 4 - Poderão participar da corrida atletas de ambos os sexos, inscritos de acordo com o Regulamento Oficial da prova.

ARTIGO 5 - A 1ª CORRIDA DE SANT’ANA será disputada na categoria INDIVIDUAL MASCULINO E INDIVIDUAL FEMININO, onde todos deverão competir usando a camiseta da Festa de Sant’Ana/2017.


CAPÍTULO 2 – INSCRIÇÃO

ARTIGO 6 - A idade mínima para inscrição de atletas é de 16(dezesseis) anos completo, ficando permitida a participação na corrida, somente para os residentes no município de Coelho Neto (zona urbana e rural). Será exigido no ato da inscrição o comprovante de residência e documentos pessoais.

ARTIGO 7 - No ato da inscrição, ao concordar com o regulamento assinalando a opção apresentado na ficha de inscrição, o(a) participante aceita todos os termos do regulamento e assume total responsabilidade por participação no evento de acordo com o TERMO DE RESPONSABILIDADE, parte integrante deste regulamento.

ARTIGO 8 - A inscrição na 1ª Corrida de Sant’Ana é pessoal e intransferível, não podendo qualquer pessoa ser substituída por outra, em qualquer situação. O participante que ceder seu número de peito para outra pessoa será responsável por qualquer acidente ou dano que este venha a sofrer, sendo passível, inclusive, de ações penais pelo crime de falsidade ideológica. A Comissão Organizadora da prova, seus patrocinadores, apoiadores e órgãos públicos, envolvidos na prova ficam isentos de qualquer responsabilidade.

ARTIGO 9 - As inscrições serão realizadas na Secretaria da Paróquia de Sant’Ana de 19 de junho a 30 de junho de 2017, das 9h às 12h e das 14h as 17h e terão o custo de R$ 22,00, valor este que corresponde ao da camiseta da Festa de Sant’Ana/2017, que será obrigatória para participação na 1ª CORRIDA DE SANT’ANA/2017.


CAPÍTULO 3 – INSTRUÇÕES E REGRAS PARA A CORRIDA

ARTIGO 10 – O(a) atleta está autorizado a correr ou participar da caminhada somente com a camiseta da Festa de Sant’Ana/2017.

ARTIGO 11 - Os(as) atletas deverão estar no local de largada com pelo menos uma hora de antecedência, quando serão dadas as instruções finais.

ARTIGO 12 - A cada competidor será fornecido um número que deve ser usado visivelmente no peito, sem rasura ou alterações, durante toda a realização da prova, ficando passíveis de desclassificação os participantes que não cumprirem esta exigência.

ARTIGO 13 - É obrigação do participante da prova ter conhecimento do percurso e regulamento. O percurso está disponível no blog da Paróquia: paroquiadesantanacoelhoneto.blogspot.com.br

ARTIGO 14 - A participação do(a) atleta na prova é estritamente individual sendo proibido o auxílio de terceiros, bem como o uso de qualquer recurso termológico sem prévia autorização por escrito da Comissão Organizadora da prova.

ARTIGO 15 - O acompanhamento dos(as) atletas por treinadores/assessoria, amigos, etc, com bicicleta e outros meios, resultarão na desclassificação do participante.

ARTIGO 16 - Na hipótese de desclassificação dos primeiros colocados, serão chamados os classificados com melhor tempo, sucessivamente.

ARTIGO 17 - O atleta deverá observar o trajeto, não sendo permitido qualquer meio auxiliar para alcançar qualquer tipo de vantagem.

ART. 18 - O(a) atleta que empurrar o(a) outro(a), atleta de modo a impedir sua progressão estará passível de desclassificação na prova.

ARTIGO 19 - Ao (a) atleta que, voluntariamente, deixar a pista, não será permitido continuar na prova.

ARTIGO 20 - Os(as) atletas devem ser classificados na ordem em que qualquer parte do corpo/tronco(ficando excluídos cabeça, pescoço, braços, pernas, mãos ou pés) atinja o plano vertical que passa pela borda anterior da linha de chegada.


CAPÍTULO 4 – PREMIAÇÃO

ARTIGO 21 - A premiação da 1ª CORRIDA DE SANT’ANA, será concedida aos 3(três) primeiros colocados(masculino e feminino) exclusivamente da corrida de 6km e 4km que receberão a seguinte premiação: primeiro lugar 01(um) celular Smartphone Qbex Evo Intel, Tela 4", Android 5.1, 3G, Wi-Fi, Dual Core, 8G; segundo lugar troféu e terceiro lugar medalha de participação. Para os atletas que participarão da caminhada de 3km tanto para a categoria masculina e feminina, os primeiros 5(cinco) colocados receberão medalhas de participação.

ARTIGO 22 - Não haverá, em hipótese alguma, premiação em dinheiro.

ARTIGO 23 - Os(as) atletas que fizerem jus à premiação deverão comparecer ao pódio assim que a cerimônia de premiação for iniciada.


CAPÍTULO 5 – CONDIÇÕES FÍSICAS DOS PARTICIPANTES E SERVIÇOS DE APOIO NA CORRIDA

ARTIGO 24 - Ao participar da 1ª Corrida de Sant’Ana o(a) atleta assume a responsabilidade por seus dados fornecidos e aceita totalmente o Regulamento da Prova, participando por livre e espontânea vontade, sendo conhecedor de seu estado de saúde e de sua aptidão física para participar da corrida.

ARTIGO 25 - Todos(as) os(as) atletas participantes deverão estar em dia com rigorosa avaliação médica para realização da prova, pois a organização não se responsabilizará pela saúde do(das) atletas.

ARTIGO 26 - O competidor é responsável pela decisão de participar da prova, avaliando sua condição física e seu desempenho e julgando por si só se deve ou não continuar ao longo da competição.

ARTIGO 27 - A Comissão Organizadora não tem responsabilidade sobre o atendimento médico dos atletas, despesas médicas em casos de internação ou lesões geradas pela prática da corrida. Porém, será disponibilizado um serviço médico com ambulâncias UTI para atendimento emergencial aos atletas e para a remoção destes aos hospitais da rede pública da saúde.

ARTIGO 28 - O(a) atleta ou seu(sua) acompanhante poderá decidir pela remoção ou transferência para hospitais da rede privada da saúde, eximindo a Comissão Organizadora de qualquer responsabilidade ou reembolso pelas despesas decorrentes deste atendimento médico.


CAPÍTULO 6 – DIVULGAÇÃO E DIREITOS DE IMAGEM

ARTIGO 29 - O(a) atleta que se inscreve e/ou participa da corrida está incondicionalmente aceitando e concordando em ter sua imagem divulgada através de fotos, filmes, rádio, jornais, revistas, internet e televisão, ou qualquer outro meio de comunicação, para usos informativos, promocionais ou publicitários relativos à corrida, sem acarretar nenhum ônus aos organizadores, renunciando ao recebimento de qualquer renda que vier a ser auferida com tais direitos, aos patrocinadores ou meios de comunicação em qualquer tempo/data.


CAPÍTULO 7 – DISPOSIÇÕES GERAIS

ARTIGO 30 - A Comissão Organizadora, primando pela segurança dos atletas, poderá determinar a suspensão da corrida, iniciada ou não, por questões de segurança pública, vandalismo e/ou motivos de força maior. Sendo suspensa a prova, por qualquer um destes motivos, esta será considerada realizada e não haverá designação de nova prova.

1º Parágrafo: Os(as) atletas ficam cientes que deverão assumir no ato da inscrição todos os riscos e danos da eventual suspensão da corrida (iniciada ou não) por questões de segurança pública, não gerando qualquer responsabilidade para a Comissão Organizadora.

2º Parágrafo: Na hipótese de cancelamento da inscrição não haverá devolução do valor de inscrição.

ARTIGO 31 - Os protestos e/ou as reclamações relativos ao resultado final da competição referente aos primeiros colocados ou condução da prova deverão ser feito, por escrito, à organização do evento, até trinta minutos após a divulgação oficial.

ARTIGO 32 - Ao participar da 1ª CORRIDA DE SANT’ANA o(a) atleta aceita totalmente o Regulamento da Prova, participando por livre e espontânea vontade.
ARTIGO 33 - Não será disponibilizado aos participantes, um local para guarda de volumes.


CAPÍTULO 8 – DISPOSIÇÕES FINAIS

ARTIGO 34 – Ao se inscrever nesta prova, o atleta assume automaticamente o conhecimento de todos os termos deste Regulamento, ficando de acordo com todos os itens supracitados e acata todas as decisões da organização, comprometendo-se a não recorrer a nenhum órgão ou tribunal, no que diz respeito a qualquer punição imputada pelos organizadores do evento.


TERMO DE RESPONSABILIDADE


Ao me inscrever para a 1ª Corrida de Sant’Ana, declaro ter conhecimento do regulamento deste evento; ter treinado e me preparado convenientemente para a atividade e ter me submetido recentemente a exame médico; sendo considerado(a) em condições físicas satisfatórias para participar da mesma. Declaro ainda, isentar irrestritamente os organizadores e patrocinadores do evento de qualquer responsabilidade por danos ou prejuízos materiais e corporais que por ventura, venha a sofrer em decorrência de minha inscrição e/ou participação na referida prova.

JUNHO É O MÊS SALVATORIANO


O mês de junho é considerado para a Família Salvatoriana como o “Mês Salvatoriano”. Isto porque neste mês, comemora-se o nascimento do Fundador - Pe. Francisco Jordan - 16 (do ano de 1848) e também a fundação da Província Salvatoriana Brasileira em 19 (do ano de 1935).

Apaixonado pela promoção do Reino de Deus e sensibilizado às necessidades da Igreja de seu tempo, Padre Jordan sentiu-se chamado a fundar uma Sociedade que correspondesse aos desafios da época e, ao mesmo tempo, influenciasse e renovasse o contexto sócio eclesial. 

Neste dia festivo, vale recordar que o ideal de Pe. Jordan está alicerçado no amor universal do Divino Salvador que acolhe a todos e hoje se concretiza na vida e missão da Família Salvatoriana espalhada no mundo inteiro.

Para marcar o aniversário do Fundador da Família Salvatoriana, o Pároco Pe. James Oliveira presidiu a Missa em Ação de Graças, às 18h, na Igreja Matriz, tendo como animadores os Leigos Salvatorianos.

Nos ritos finais, Pe. James apresentou à assembleia os membros que compõem os Leigos Salvatorianos e também a equipe salvatoriana que está a frente da Paróquia Sant'Ana, que é composta por Pe. James Oliveira, Irmão Aquilino, Irmão Paulo. Esteve ausente Pe. José Carlos, que se encontrava na cidade de Afonso Cunha, onde atua como Pároco da Paróquia Santa Luzia.

Missão
”….proclamai a Palavra de Deus, insisti no tempo oportuno e inoportuno,
repreendei, suplicai e exortai com toda paciência e doutrina.
Ide e, com perseverança, dizei ao povo todas as palavras de vida eterna”.
(Pe. Jordan, Regra de 1884).

Fotos: Irayna Marques.






















PARÓQUIA SANT'ANA CELEBRA 16 ANOS DE IMPLANTAÇÃO DA PASTORAL DO DÍZIMO

Foi celebrada neste domingo, na Igreja Matriz, a Santa Missa em ação de graças pelos 16 anos de implantação do dízimo. A celebração aconteceu às 7h, com a animação da Pastoral do Dízimo e foi presidida pelo Pároco Pe. James Oliveira-sds. Em seguida, membros da Pastoral do Dízimo recepcionaram os dizimistas com uma linda festa no Centro de Formação Pe. Jordan.

A Paróquia e todos que fazem a Pastoral do Dízimo comemoram as conquistas e doações durante todos esses anos de experiência de fé e partilha de nossos irmãos dizimistas.

Parabenizamos os dizimistas e paroquianos que fazem esta bonita experiência de fé e colaboração para o crescimento do Reino de Deus.

Fotos: Josilene, Irayna, Elisa Santos.






















domingo, 11 de junho de 2017

PÁROCO PADRE JAMES PRESTIGIA POSSE DE DOM VILSOM BASSO




Na manhã deste sábado (10), em missa eucarística, foi empossado o novo bispo da Diocese de Imperatriz. Vilsom Basso tomou posse diante de uma multidão de fiéis. Uma caravana de Caxias, onde Dom Vilsom era bispo até então, veio acompanhar a posse, que foi realizada na Catedral de Fátima.

Conhecido pelo trabalho missionário e na Pastoral da Juventude, o sacerdote da congregação dehoniana chega num momento especial, onde se aproxima a solenidade de Corpus Christi, maior celebração católica de Imperatriz. Inclusive, Dom Vilsom vai presidir a solenidade cristã, no próximo dia 15, estádio Frei Epifânio.

Cabe lembrar que a Diocese de Imperatriz estava sob o comando do padre Francisco Lima, eleito administrador diocesano, logo após a transferência de Dom Gilberto Pastana, em julho de 2016. Foram aproximadamente 11 meses até a chegada no novo bispo.

Biografia

Dom Vilsom Basso é dehoniano da congregação Sagrado Coração de Jesus, nasceu no dia 16 de fevereiro de 1960 em Cinquentenário-Tuparendi, Rio Grande do Sul. Se formou em Filosofia em Brusque, Santa Catarina (1979-1981) e Teologia, em Taubaté, no Estado de São Paulo (1982-1985). Em 1991, Vilson fez um curso de especialização em teologia pastoral na Universidade Javeriana, em Bogotá, na Colômbia.

O sacerdote fez sua profissão perpétua em 25 de fevereiro de 1985, a Congregação do Sagrado Coração de Jesus e foi ordenado padre em 28 de Dezembro de 1985. Na diocese de Viana, no Estado do Maranhão, foi vigário da paróquia de Santa Inês (1986- 1987) e Alto Alegre (1993) e o pároco de Santa Luzia (1998-2003).

Na Arquidiocese de São Luís do Maranhão foi vigário paroquial (1988-1992) e depois pastor (2004-2005) do Santuário Nossa Senhora da Conceição. Além disso, foi coordenador da Pastoral Juvenil do Estado Maranhão (1988-1992) e chefe do Nacional Pastoral Juvenil da Conferência dos Bispos do Brasil (1994-1997).

Em 2006, ele foi vice-pároco do santuário São Judas Tadeu em São Paulo e, em seguida, trainer em Cagayan de Oro City, Filipinas (2007-2010). Foi nomeado Bispo de Caxias do Maranhão 19 de marco de 2010. Atualmente é Presidente da Comissão Episcopal para a Pastoral Juvenil da Conferência dos Bispos do Brasil.

Fonte: Imirante Imperatriz

sexta-feira, 9 de junho de 2017

LANÇAMENTO OFICIAL DA FESTA DE SANT'ANA 2017



É com imensa alegria que a Paróquia Sant'Ana convida você e sua família para o lançamento oficial da Festa de Sant’Ana 2017, que será realizado no dia 18 de junho, a partir das 18h, na Praça Duque Bacelar. Teremos Missa (campal) e logo após, a divulgação e venda do material da festa, barraca de lanche e várias atrações culturais. 

Participe!

segunda-feira, 5 de junho de 2017

CAMINHADA MISSIONÁRIA E CELEBRAÇÃO DE PENTECOSTES COM MISSA SOLENE

Às 5h teve início as atividades religiosas na Paróquia Sant'Ana, com a caminhada missionária organizada pelo COMIPA. Os missionários se concentraram no bairro Bonsucesso e seguiram para a Igreja Matriz, onde foi realizada a Santa Missa presidida pelo Pároco Pe. James Oliveira-sds. 

Em sua homilia, o Pároco Pe. James fez destaque à festa de Pentecostes, cuja celebração acontece 50 dias depois do domingo de Páscoa, é a Festa que dá início à Igreja de Cristo, o Espírito Santo foi enviado sobre os apóstolos no cenáculo.

Fotos: Irayna Marques.


PENTECOSTES 2017 - RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA

Dias 03 e 04 de junho, a Renovação Carismática Católica realizou, no Centro de Formação Pe. Jordan, o Encontro de  Pentecostes 2017, com  o tema "E com eles estava Maria", retirado do livro dos Atos dos Apóstolos, capítulo 1, versículo 14.

O evento teve como pregadores o Pároco Padre James Oliveira, Thales (Chapadinha-MA) e Alex Lima (Grupo de Oração Nova Aliança). O encontro de Pentecostes é uma grande festa que a Renovação Carismática Católica da Paróquia Sant'Ana comemora todos os anos, é uma grande celebração para a Igreja e para o Movimento no mundo inteiro.

O início foi às 8h do dia 03/06 e contou com animação do ministério de música, adoração ao Santíssimo e louvores. O encerramento aconteceu dia 04, domingo, com a celebração da Santa Missa na Igreja Matriz.

Fotos: Irayna Marques.