PADRE JAMES E MINISTROS

PADRE JAMES E MINISTROS

PADRE JAMES E ACÓLITOS

PADRE JAMES E ACÓLITOS

PAPA FRANCISCO

PAPA FRANCISCO

LEITURA DIÁRIA DA PALAVRA - Clique na imagem

DIRETOR PROVINCIAL SALVATORIANO

DIRETOR PROVINCIAL SALVATORIANO
Pe. Álvaro Macagnan

terça-feira, 2 de maio de 2017

I RETIRO PAROQUIAL DE ESPIRITUALIDADE





PARÓQUIA SANT’ANA – DIOCESE DE BREJO – MA
I RETIRO PAROQUIAL DE ESPIRITUALIDADE
09/04/2017 – DOMINGO DE RAMOS


Representantes:

Comunidades: 22 comunidades sendo 7 comunidades da Zona rural.
Movimentos: Focolares, Mãe Rainha, Apostolado da Oração, Ordem Terceira Franciscana, RCC, Vicentinos, Terço dos Homens.
Pastorais: catequese, criança, música, sobriedade, batismo, família e noivos. 
Grupos: ministros, acólitos, Infância Missionária (IAM), COMIPA e Caminho Neocatecumenal.


Equipes de trabalho:

Cozinha: 7 pessoas 
Organização: 5 pessoas
Limpeza: 4 pessoas
Conjunto: 5 pessoas 
Liturgia: 3 pessoas


Número total de participantes:

155 pessoas

Impressões/Avaliações:
  • ... nós leigos da Igreja, precisamos estar renovando nossa fé, na nossa missão,... tenho certeza que todos estão felizes (Ana Lourdes – Leigos Salvatorianos/Ministério da Sagrada Eucaristia);
  • ... A gente leva a semente dentro de si! Por isto é maravilhoso e proveitoso viver a unidade (Maria de Jesus);
  • Senti muito a presença de Maria na hora do terço, ... foi possível viver na presença do Ressuscitado (Maria de Jesus - RCC);
  • Este retiro permitiu analisar a caminhada e as ações dentro da comunidade. Ao mesmo tempo conhecer que o amor de Deus e sua misericórdia deve ser a base de nossa vida, estendendo-se, principalmente, ao nosso irmão... A partilha de experiências de vida e também o acolhimento que nos foi dado maravilhosamente, fez com que reascendesse a vontade de experimentar a cada dia, o amor, a doação e a vivência em comunidade (Maria Inalva – Com. S. Raimundo);
  • Este primeiro retiro foi de grande importância para a unidade da Paróquia, onde aprendemos o valor do amor ao próximo (Luis Ferreira – (Com. N. Sra. Aparecida);
  • Estou vivendo este momento, pois o amanhã quero repassar a outras pessoas e, também, reviver tudo... (Antonia Glecia – Com. S. Antonio/Povoado Garrote);
  • A Igreja nos presenteou com este dia. Que Jesus nos dê sabedoria para pormos em prática os ensinamentos adquiridos (Zulmira – Com. S. Raimundo Nonato);
  • Todos fizeram a sua reflexão e não somos mais aquelas pessoas e não iremos voltar para nossas casas da mesma forma que chegamos (Evaniz Davi – Pastoral da Família e IAM);
  • ... Os vários depoimentos me levaram a uma reflexão e meditação com relação às minhas atitudes... a partir de hoje vou procurar fazer o melhor: ver mais quem precisa de mim; quero me doar mais e mais (Francisca – Pastoral da Família);
  • Já participei de vários retiros, mas este foi o que me chamou mais atenção pelos testemunhos de vida... vou levar para minha vida cotidiana na minha família, trabalho, comunidade e grupo (Antonicia – Com. N. Sra. das Graças);
  • Um momento de renovação para rever nossa vida... uma tomada de consciência, e permanecendo sempre com coragem e esperança (Zenita – Vicentinos);
  • Volto para casa sentindo-me uma nova pessoa... Possibilitou nos reencontrar e nos aproximar mais no Amor de Cristo. A Paróquia está de parabéns! (Francisca Lira – Pastoral do Dízimo);
  • Hoje eu senti a grandeza do Amor de Deus (Francisca Oliveira – Com. Sta. Luzia/Legião de Maria);
  • Foi uma experiência de fé e unidade... inesquecível retiro (Henrique – Acólitos/Com. São Tarcísio);
  • ... sentimos a presença de Deus no nosso meio, ... a presença visível de Deus em minha vida. Aprendi mais sobre o Amor e a profundeza deste amor que já existe dentro de mim. Faltava apenas reconhecer mais, parar e escutar. Agradeço a Deus esta descoberta do grande Amor (Cláudia de Araújo);
  • Aprendi que o amor pode ser vivenciado através de nossos atos, através das pequenas coisas que às vezes nem percebemos. Aprendi que o Amor tem que ser vivenciado (Gilmara- Com. Mãe Salvador/Acólitos);
  • Estava necessitando de palavras de conforto, pois estou vivendo uma situação triste, e no momento certo veio palavras de vida, amor e ressurreição. Neste retiro, ao longo do dia, me encontrei (Ana Clésia – (Past. da Música);
  • É sempre bom estarmos nos reciclando, ou se renovando nas coisas do Senhor. Foi um monto de luz (Maria dos Remédios – Com. S. José Operário);
  • As experiências e os temas propostos foram de grande importância... vou levar o Amor de Cristo para minha família, amigos, ... vivenciar e semear o que aprendi para a difusão, conversão dada pela misericórdia de Deus em nossa vida (Edvalma – Caminho Neocatecumenal);
  • Este retiro foi o começo de uma nova vida (Antônia);
  • Foi uma experiência singular. Tudo o que foi falado me inspirou a ver a vida com mais clareza (Maria das Graças – Com. S. Judas Tadeu);
  • Agente se sente mais perto de Deus (Maria da Conceição – Com. Sta. Teresinha);
  • Foi um dia de bênçãos, de graças e de oração. Senti o amor de Jesus muito próximo de mim (Maria Claudia – Com. Sta. Teresinha);
  • Nos ajudou muito no crescimento da nossa espiritualidade e no da nossa comunidade (Antônia);
  • Agradeço de modo particular ao nosso Pároco, por nos proporcionar esse momento gratificante que nos preparou para viver bem a Semana Santa (Édina – Com. S Judas Tadeu);
  • Hoje foi um dia muito especial. Aprendi mais sobre o Amor, sobre a Arte de Amar. O que significa ressuscitar (para um cristão). Os testemunhos me fizeram compreender que temos realmente de fazer a experiência de Deus, amando e se doando a todos, vendo Jesus em cada pessoa (Gardênia – Com. S. Judas Tadeu);
  • Reforçou mais a minha fé. Vi que na nossa vida tem muitas barreiras, mas não podemos desanimar... eu acredito que agora, iremos “trabalhar (viver) ” mais na nossa comunidade (Maria Elita – Legião de Maria/Catequese);
  • O testemunho fez melhorar minhas atitudes, perder o medo e acreditar em Deus (Maria de Fátima – Pastoral da Criança);
  • Uma oportunidade de compartilhar o amor de Cristo em unidade. O retiro foi conduzido com perfeição, ... foi transmitida muita paz... e tocaram o meu coração profundamente. Estou feliz por fazer parte dessa grande família que é a nossa comunidade (Antônia Carvalho – Ministério da Eucaristia);
  • Uma oportunidade única em minha vida ... mudou minha compreensão e vivência de amor ao próximo, ... foi grande a reciprocidade de amor vivida ali onde Jesus Cristo se fez presente na minha vida. Consegui vivenciar um sentimento de amor, que através dos testemunhos dos irmãos, como uma fonte de água viva que inundou a minha alma. Fez enxergar o quanto Deus é maravilhoso e faz obras na minha vida (Waldene – Pastoral da Sobriedade);
  • Os testemunhos foram bonitos e me encheram de felicidade, me deixando mais próxima dos meus irmãos. Pude sentir Cristo mais próximo de mim (Francisca Oliveira – Legião de Maria);
  • Ajudou a pensar sobre minha vida: como eu preciso melhorar no aspecto da família, principalmente na convivência com meu esposo. Temos problemas de diálogo, então tenho que aprender a amar assim como nos pede o tema do retiro ...espero, que a partir de hoje, aprender a amar (Geovana - Com. Sta. Luzia);
  • Uma grande oportunidade de conhecer o quanto nós precisamos de estar mais próximos de Jesus. Que nós precisamos amar a Deus, amando o próximo como gostaríamos de ser amados... a partir de agora, temos que saber viver a vida ...! (Silvano – Terço dos homens);
  • Acredito que aprendi mais a amar...
  • Proporcionou um dia de reflexão e oração que com certeza será de grande ajuda para a minha caminhada de cristã. O tema abordado sobre a arte de amar me direcionou para o entendimento dos vários aspectos do amor cristão (Maria de Jesus – Com. Mãe Peregrina);
  • Neste retiro pude conhecer e entender um pouco mais o amor de Deus. Entendi que não devemos nos importar somente conosco, mas também com o outro, vendo Jesus em cada próximo (Antônia Eronildes – Focolares);
  • Um dia de bênçãos, reciprocidade e de alegria (Maria Aparecida – Com. Sagrado Coração de Maria);
  • Uma experiência grandiosa que levarei sempre comigo, um domingo de remos repleto de bênçãos e ensinamentos. Saio deste retiro renovada e muito grata a Deus por me ter permitido participar deste encontro, compartilhando nossas experiências. Ao ouvir a palavra do Senhor e as experiências de vida, fez refletir que devemos sempre amar o próximo e colocar-se no lugar do outro... (Lais – com. Sagrado Coração de Maria);
  • A “Arte de Amar”, um amor puro, fruto do Evangelho, podemos adotar, viver e partilhar com nossos irmãos de forma que haja reciprocidade (Analina – Com. S. Francisco/Pastoral Liturgia e Juventude).

Avaliações Gerais:
  1. Programa
  • Dinâmico. Linguagem clara e objetiva, temas tocados foram muito oportunos para o período Quaresma/Semana Santa;
  • A celebração eucarística, cume do dia, muito recolhedora e participativa e que reuniu todos, na sua diversidade, em trono do altar e da Eucaristia que nos faz verdadeiramente um entre nós, uma só igreja;
  • As atividades em grupo ajudaram muito a esclarecer a essência da Semana Santa e a exercitar a comunhão de vida;
  • Os testemunhos foram muito importantes para a reflexão da própria vida e tomada de decisão por uma vida mais comprometida com o Evangelho de Jesus;
  • As canções bem escolhidas e tocadas;
  • A pontualidade na condução do programa.
  1. Interação entre as comunidades
  • A participação e a apresentação dos grupos de trabalho foi um grande incentivo ao exercício do amor, com entusiasmo, disponibilidade e abertura uns com os outros;
  1. Presença dos membros das comunidades, pastorais, serviços e movimentos
  • Uma grande diversidade de grupos, pastorais, serviços e movimentos, propiciou uma grande riqueza nos relacionamentos e comunhão. Sentiu-se a falta de alguns grupos.

  1. Organização
  • Muitos agradeceram de modo particular, ao Pe. James, pela iniciativa em dar à Paróquia a possibilidade de reunir-se como uma única família, a ter uma espiritualidade de comunhão e reciprocidade (uma pessoa afirmou que foi um grande presente dado pelo Pe. James, educando-nos na espiritualidade);
  • Referências à boa acolhida fraterna, ao trabalho dos que estavam organizando, às equipes da cozinha e da limpeza com seu serviço de amor concreto que proporcionaram uma gostosa e abundante refeição e lanches e um ambiente bem cuidado.

  1. Infraestrutura

  • Local muito apropriado para retiro: bonito, agradável, silencioso, contemplativo (a natureza em torno), espaçoso e com boa estrutura.


FOTOS: 







































































































Nenhum comentário:

Postar um comentário